quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

pequenas observações

antes de partir, há tempo para umas coisas...
passar pelo antigo emprego, onde me cravam 2 projectos para fazer em 10 dias.
saber que me querem de volta, mas ainda a tentarem fazer-me as papas na cabeça.
saber que ganhei um distanciamento destes senhores que me permitiu deixá-los a resfolegar durante as negociações... que ainda não acabaram... é deixá-los suar... e ver até quanto posso esticar.
saber que por mais apetecível que seja voltar a ter ordenado certo [ainda que pequenino] todos os meses do ano, valho mais que isto. e a minha saúde, mental e emocional, vale muito mais que isto.
saber que aos 28 anos ainda não perdi o estúpido costume de não me acomodar.
saber que, pelas escolhas que faço, ainda não é desta que venho morar para Lisboa.
saber que o mais certo é voltar a não ter férias.

saber que, à medida que vou aviando as malas, me dói um bocadinho mais saber que nós vamos estar longe um do outro tantos dias, tantas horas, tantos segundos.
e o silêncio adensa-se cá dentro.

8 impressões digitais:

Astor disse...

acomodar, parar...

é morrer!

vá lá, duas semaninhas passam num instante :P

*

Sway disse...

... É engraçado...

Não te conheço, devo ter trocado, máximo, 3 palavras contigo ao longo dos nossos encontros, estive mais tempo seguido com a tua guitarra do que contigo... Enfim... só não somos totais estranhas por acaso!...
Mas ao ler o teu texto deu-me uma pequena pontada no peito... Tipo ir ver "O lado selvagem"!...
Não te conheço mas sei exactamente donde vens... where you're coming from (não arranjo melhor tradução!).
E, ainda que não tenha coragem de me mexer como te mexes (pelo menos ainda não tive), é bom ver que há pessoas out there a conseguirem!... ;o)

Anónimo disse...

ei, qual teu nome ?

intruso disse...

[percebo essas dualidades/indecisões "saude mental - ordenado certo"]

(...)

bom trabalho por lá...
(e que o silêncio pese o menos possível)

beijo

polegar disse...

astor: sempre a mexer! ;) as duas semanas vão passar em mix. é que acordar, trabalhar, almoçar e jantar sempre com as mesmas pessoas deve dar em esgotamento...

sway: não nos conhecemos muito pessoalmente, é um facto. mas estas confissões nos blogs dão sempre para perceber um bocadinho (no caso de o que se confessa ser sincero eheh). temos de combinar um café (depois do meu regresso) para colmatar a falha do conhecimento presencial ;) quanto à coragem, também pode ser encarada como uma grande falta de chá e respeito para com o povo trabalhador sério eheh

anónimo: se eu quisesse divulgar o meu nome, não assinava como polegar. mas se quiseres muito saber, há formas de descobrir.

intruso: a ver, a ver... :)

Sway disse...

AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH... Dei uma grande gargalhada no meio do meu ambiente de trabalho... acho que vou ser despedida ;o) !!!

"também pode ser encarada como uma grande falta de chá e respeito para com o povo trabalhador sério eheh"...

Amei!!!... Amei a ideia, mas principalmente, amei a expressão "grande falta de chá"...
Ai ai... Vou ficar a sorrir durantes uns minutos!!!...

Quanto ao café... I'm in! ;o)

MPR disse...

Don't worry, as semanas voam, e as recompensas só chegam aos teimosos...er aos persistentes... er... a quem não larga o osso vá!

miak disse...

Sempre te vejo força.