terça-feira, 22 de março de 2005

be carefull with what you wish for...

sigo rua fora, hoje já não chove, mas sente-se a humidade no ar. o vento está fresco. de repente, uma rajada mais forte atira-me contra a cara um molho de cabelos enormes loiros, ondulados.
mas que raio...?
ah, pois... confirmo no reflexo da montra mais próxima. cá está, o meu novo cabelo de "pequena sereia"...
foi uma transformação brutal. devo confessar que na fase em que tinha só o meu cabelo pintado de amarelo me custou muito, mas agora, com as extensões recém colocadas, já dá gosto...
o problema grave é que, se já saía de casa sempre um quarto de hora atrasada (e nãoi vale a pena por o despertador para mais cedo) agora, com todos os cuidados que tenho de ter, mais o secar este cabelo todo, demoro outra meia hora...

ontem fui buscar os postais da minha peça. a rapariga que me recebeu, que já conhecia pelo telefone, disse-me que me imaginava mais velha... baixo-me para apanhar o caixote pesado, e quando me viro para lhe agradecer mais uma vez, ela está a olhar para mim com uma cara muito estranha. penso "bem, se calhar tenho a cara suja... ou um letreiro na testa a dizer 'loira pintada'..." mas não. a rapariga sai-se com esta, com o ar mais embevecido do mundo, boca aberta, o pacote todo:
- Ai... a menina é tão bonita...

boa... agora que isto não sou eu, é que sou bonita...

2 impressões digitais:

Anónimo disse...

não querias ter ar de fada? pois aí tens. agora tens o pacote completo.

polegar disse...

bu fucking hu-hu