quinta-feira, 5 de janeiro de 2006

still in rebounce

hoje fiz uma coisa que me espantou a mim própria. recusei um trabalho em teatro.
os motivos são meus. muito meus. mas pela primeira vez inspirei fundo e disse que não. depois de experimentar, claro.
as forças já não são as que eram, e curiosamente as ilusões também não.
pesei na balança os prós e os contras, as pálpebras pesaram-me e o peito pesou-me. senti-me estranha, diferente e tive medo de me sentir injusta. com os outros e comigo. entre o "há-de aparecer qualquer coisa que valha a pena", o "estás a ficar velha, oportunidades não caem do céu" e "ainda achas que vais chegar a algum lado assim?" ou até "mais vale saíres agora do que não teres coragem para sair depois" puxei de uma golfada de ar sem cigarro e no suspiro deixei sair a razão.
assim não, por desespero não. por amor. por orgulho. como sempre foi.

...

se calhar estou mesmo a ficar velha...
mas nesse caso com a idade não vem a sanidade, senhores...

11 impressões digitais:

espanta_espiritos disse...

dizer que sim é fácil e tentador.
dizer que não, nunca é.
assim se faz uma carreira.

"estreito e pedregoso é o caminho...".
(tenho de largar a bíblia motard...)

polegar disse...

podes ter dito uma grande verdade, digna de grande pensamento transcendente... e agradeço-te o apoio...
mas o mais incrível foi a gargalhada que larguei... de facto é impossível ficar triste mais de 5 minutos ao pé de ti...
amén para ti, meu caro. e nunca te esqueças:
"Jesus disse: eu sou uma porta... quem entrar em mim terá a salvação..." palavra do pastor ;)

idontwannagrowup disse...

Como eu te percebo... as ultimas propostas tenho as andado a despachar para os amigos...

macaso disse...

O que posso dizer? Já foi tudo dito...por vocês próprios. É tão bom ter-vos conhecido. Deixem-me lá arranjar uma frase ainda melhor...

Isto é muito à frente...parecem os bolinhos da sorte. Procurei na bíblia on-line a palavra caminho e saiu-me isto:

As codornizes foram espalhadas pelo arraial até à distância de 25 a 32 km. que era o caminho de um dia (Nm 11.31). o caminho de um dia de sábado (Mt 24.20 - At 1.12) eram 1400 metros, distância que podia ser percorrida sem quebrar a lei (Êx 16.29).

Agora vou ficar a tarde toda a pensar nisto.

Muito à frente, muito à frente indeed.

Rantanplan disse...

Não sei se censuro ou se aprovo.
Por amor parece-me bem mas, acabarem-se as ilusões...o sonho? Queres levar uma arrochada na cabeça? Uma bigorna? uma carga de porrada?

polegar disse...

idontwannagrowup: pois...
macaso: LOL já entraste no espírito, considera-te evangelizada!
Rantas: calma, amigo... como disse os motivos são meus e fortes... achas que abria mão assim? o sonho não morreu, pelo contrário. apenas o encaro de outra forma, mais ponderada.

B. disse...

Como te compreendo!!

Beijo, B.

Mill disse...

compreendo-te bem e essas decisões normalmente são boas!
agora, por aqui as coisas estão tão nubladas que qualquer coisa q me aparecesse era bem vinda...

alien disse...

Nunca sabemos o que um "não" ou um "sim" nos reserva... Por isso custa tanto dizer "não" ou "sim" e não custa nada dizer "talvez" "vamos ver" "não sei" "porque não" "depois vemos"....... "nós depois telefonamos"

Quando houver distância vais olhar para trás e ver o que esse "não" te proporcionou... e vais ficar aliviada porque vais ver que fizeste o que te pedias (e não por estares a ficar velha ou sensata...)

Se não eu, que com 21 já disse esse "não", sou o quê? Velha? Uma múmia? a Lili Caneças?

É como diz aquela outra passagem da bíblia: "Pessoa que um "não" sabe dizer, não tem medo, tem querer" (ok, ok.. isto não vem na biblía... MAS PODERIA VIR, RAIOS!!!)

polegar disse...

como estes comentários andam meio embruxados, de vez em quando tenho de meter um pontinho para desentupir o comtário q ficar preso lá nesse estranho limbo virtual... só para esclarecer ;)

polegar disse...

agora q ja vejo os comentários, vamos lá responder...

B: ora pois bem, andamos todos ao mesmo
Mill: bem vindo/a. compreendo-te... tb andei no deserto muito tempo... pensado bem a nível do que realmente quero fazer ainda tenho um pezinho na areia...
Alien: também acho q sim... e qualquer passagem da bíblia é bem-vinda... quem sabe se um dia não começamos uma nova seita de bloggers?? ;)