segunda-feira, 19 de dezembro de 2005

polegada #5

|the bat hour|

temos de entregar 10 episódios até 6ªfeira. havendo pouco tempo disponível no estúdio (porque fazem locução de documentários, legendagem, têm de tratar os episódios já dobrados e eteceteras), teremos, os actores e respectivos alter-egos, de nos desdobrar em horários, digamos, alternativos...
entretanto, aqui no escritório, um outro grande projecto, megalómano ou não, não sei, aproxima-se a passos largos.
apesar de tudo, é nos meus dedos que confiam na altura de redigir, de explicar, de polir, de corrigir. os textos terão de ser meus, baseados em "ditados melódicos". como o patrão que vai fazer os ditados tem, ele próprio, sítios onde estar e coisas importantes a fazer durante o dia, a execução e tecelagem desse tão nobre projecto terá de ser feita... de madrugada.
outra situação é uma reunião estranha que me marcaram para uma destas noites, que não sei onde vai parar, mas também ainda não quero pensar nisso.

a hora do morcego chegou...
e ainda não fiz as compras de Natal...

17 impressões digitais:

Simão disse...

Ainda não entendi... o que são as compras de Natal?
Afinal porque é que o Natal tem que ser um stress constante de compras? Ainda ontem o meu irmão mais novo stressava no msn tipo"Diz-me o que uqeres de prenda. Sou sempre o que nunca da prendas. Ajuda-me!!" Eu ajudei... disse que não queria nada, mas ele não me achou convincente. é o incoveniente do msn. Se tivesse dito aquilo a olha-lo nos olhos se calhar ele percebia!
Olha, se isto te deixar mais descansada, ficas a saber que eu tb ainda nao fiz as compras de Natal. Mas eu tb não sou exemplo nenhum. COntudo, não creio que va fazer as compras de Natal?
Afinal de contas... é Natal!!! Talvez "adquira" apenas velas para ver se a luz trémula acalma os espíritos!

macaso disse...

Eu também ainda não fiz metade das compras. As obrigações estão a ter pouco espaço na minha vida. Hoje até faltei a uma reunião de trabalho e ao almoço que vinha depois da reunião. Porque é que será???

polegar disse...

vai lá dizer isso à família de bárbaros consumistas em que vivo!
além disso, eu gosto de rechear a árvore com a minha parcela de prendinhas e ver os rostos abrirem-se num esgar de surpresa sorridente (porque normalmente acerto)...
gosto muito porque no Natal tenho muita gente de quem gosto por perto, gente que só vejo raramente... e gosto de os mimar.
sim, é uma despesa. sim, é um critério consumista. mas dentro dele temos o factor amor e afecto que se pode mostrar qualitativamente... uma prendinha, uma lembrança daquelas que faz sorrir vale muito. o que me afecta é a falta de tempo para encontrar "the" presente!

macaso disse...

É isso, é isso, é isso

polegar disse...

macaso: não sei... (piscar olhos e assobiar olhando para o ar...)

miak disse...

Já comprei quase todas as prendas...

E já recebi...adiantadas...

Daniel Aladiah disse...

Querida Polegar
Grandes mudanças no template. Gosto, nomeadamente desta área de comentários, tão ordenada e espaçosa :)
Tu tens um daqueles trabalhos que deve apaixonar tanto como cansa, caótico, livre, desesperadamente aliciante porque não tem monotonia e te pede que dês sempre o melhor. E tu és capaz de ser uma alma que ninguém dispensa. Feliz Natal
Um beijo
Daniel

Simão disse...

Pronto, hoje acho qeu vou sair mais cedo. Vou às compras! :)

idontwannagrowup disse...

Bem mas que grande surpresa! parece que "nevou" para estes lados, não que eu tivesse algo contra o branco, não fosse eu resultad da escola do porto...

Quanto ás compras: SOLIDÁRIO!! Ainda não comprei nenhuma!!! :(

colher de cha disse...

...as minhas compras? quais compras? hahahaha! se houvesse dinheiro, juntava todas as pessoas de quem mais gosto e passava c elas a consoada numa casinha nos alpes cheia de neve:) mas como não há... parece-me q este ano vai toda a gente corrida a velas da loja dos chineses daqui em baixo da mh casa! EH!
o importante: saber q todos gostam de ti à mesma quer ponhas as prendinhas debaixo da árvore a tempo ou não.

© luz.de.tecto disse...

{ ... deixo.te: feliz natal, «ouro, incenso e mirra» © luz.de.tecto ... }

polegar disse...

miak: pois que há uns quantos sortudos... ;)
Daniel querido: ainda bem que gostas... o trabalho de dobragens é fascinante, e gostava de um dia poder viver só disso, deixar a produção para quem sabe e tem paciência... sonhar ainda não paga imposto ;) Almas há tantas, a minha é só mais uma. beijo, um Natal quente e aconchegado para ti.
Simão: quem pode, pode... sempre a fazer fosquinhas :P
idontwannagrowup: espero q gostes, eu gosto :) ainda não compraste nenhuma? tás pior que eu eheheheh
colher: mas tu és a mulher das pechinchas imperdíveis e da manufactura! não vale!
luz de tecto: obrigada. feliz natal para ti também. beijo

B disse...

Linda, ainda não comprei nem uma e aqui no Teatro o natal vem mais cedo e é já amanhã!!!
Tenho de comprar algo que dê para homem e mulher que é para a "troca" resultar....as velas são a 1ª ideia que me surge, mas vou aproveitar o teu espaço e se alguém se lembrar de alguma coisa, diga. PLEAAAAAAASE.

Beijos, B.

polegar disse...

colherzinha: acho que isso de juntar o pessoal onde há grandes probabilidades de avalanche e hipotermia não diz boas coisas da tua relação familiar :P

polegar disse...

B: ui... complicadinho... mas esta gente do teatro é só meretrizes e homenssexuais, portanto, podes sempre oferecer uma coisinha tipo um conjuntinho de escova e pente... ou pincéis para maquilhagem... eheheh
a colher é que é boa nisso das pechinchas...
olha, um poemário!

polegar disse...

um calendário da Taschen! há baratuchos na Fnac, bem giros...

B disse...

Muito obrigada pelas sugestões, optei por uma coisa que não é prato, nem cinzeiro, nem castiçal, é assim uma coisa hibrida, (tal como os homenssexuais) que dá para puxar pela imaginação sobre para que serve mas é preta e laranja (cores sugestivas!)

Beijocas, B.