sábado, 4 de março de 2006

o voo das borboletas



de repente o "outra vez". o turbilhão. as cores e as palavras. o tremer. o suor. na garganta as rédeas soltas. os dedos agarram com o desespero do sentir do etéreo. o corpo oferece-se sem pedir. podia ser sexo. podia ser um orgasmo.

[fotos e montagem de MS]

10 impressões digitais:

espanta_espiritos disse...

mas não é...
se bem que fica lá perto.
parabéns.
mais uma vez provaste que sabes o que fazes.
e fazes bem.
muito bem.
citando quem sabe: "mais uma semana e partias a loiça toda!"

nuno albuquerque vaz disse...

podia ser apenas o vento das pálpebras nas asas das borboletas...

colher de chá disse...

depois de assistir vezes sem conta, não quereria ver aquilo feito por mais ninguém que não tu. Porque mereces, porque o fazes na perfeição, porque em suma, és a Melhor. Parabéns. Voaste muito muito mais alto do que alguma vez ali vi alguém voar.

FRQSTR=18964401|18964401|18964401|18964401|18964401 disse...

Reconheço nas palavras aquela sensação de "primeira vez" que nos dá, mesmo que façamos as coisas um cento de vezes.

marinheiroaguadoce a navegar

Marco Ferreira disse...

Aquela sensação de "primeira vez" que nos dá mesmo que façamos as coisas umcento de vezes.

marinheiroaguadoce a navegar

B. disse...

E depois de ter visto e de já ter comentado pessoalmente, aqui só me resta subscrever as palavaras do espanta e da colherzinha!

Parabéns!

Beijos GRANDES, B.

polegar disse...

os elogios deixo-os ao critério de quem vê, se percebe ou não a história que conto. agradeço-vos do fundo do coração não apenas o elogio mas muito especialmente a presença. às vezes esse calorzinho faz tanta falta...

nuno vaz: pode ser tanta coisa. pode ser uma pestana a cair. ou um maremoto. é, sem dúvida, uma manifestação visceral e emocional da natureza no nosso corpo. escolhi as borboletas pelo turbilhão caótico mas tão suave com que as suas asas dedilham o ar...

marco: é, sem dúvida, isso mesmo. é sempre uma primeira vez. "daquelas"... ;)

nucamarim disse...

uma boa actriz nunca deixa de o ser.

pinky disse...

parece que correu bem! coooooooooooooooooool! pois que outra coisa não seria de esperar! jokas

polegar disse...

nucamarim: não tens noção, parece-me mas quero que saibas que o que pensas de mim é muito importante. obrigada.

pinky: não me enganei e o pessoal parece que até se divertiu. missão cumprida :)